Rodando por Lugano, Suíça: todo o charme da “Piazza della Riforma”



Mudar de cidade, estado ou país é sempre uma correria, mas no meio dessa confusão existe algo que nos ajuda a “recarregar as baterias” –  a deliciosa sensação de ser turista em tempo integral.

Troquei Locarno por Lugano em 2012 atrás e acabou sendo uma mudança muito positiva. Apenas quarenta quilômetros de estradas cenográficas separam essas duas cidadezinhas na parte italiana da Suíça. Ambas são cidades turísticas, mas Lugano é também uma cidade empresarial, cheia de vida, com muito mais estrutura e atrações – especialmente fora da temporada de verão.

rpm_lugano_piazzariforma04

Passear pelas trilhas que cortam as belas montanhas em torno da cidade (cuja vista me recorda muito o meu Rio de janeiro), visitar os diversos museus, feiras e exposições, se render aos pecados da gula nos bons restaurantes ou agitar nos bares e vida noturna até o amanhecer. Depois de alguns meses aqui ainda sinto a gostosa sensação de ser um turista em minha própria cidade. E quero descobrí-la aos poucos…

Toda cidade tem um ponto de encontro, um lugar especial onde as pessoas se reúnem e onde acontecem os mais variados eventos culturais. O coração de Lugano, com seus 60 mil habitantes, sem dúvida bate na ampla e charmosa Piazza della Riforma (Praça da Reforma). Cercada por prédios históricos, hotéis, bares, restaurantes e belezas por todos os lados, a praça é ponto de partida para as elegantes estradinhas comerciais do centro e – passando pela bela fontana (fonte) da Piazza Canova – é docemente abraçada pelo belíssimo Lago de Lugano.

rpm_lugano_piazzariforma02

O chão de pedra natural da Piazza della Riforma abriga o imponente Palazzo Civico (sede da prefeitura municipal, construído entre 1842-44 e palco histórico da vida política da cidade) e irresistíveis bares e restaurantes onde locais e turistas degustam ao menos um bom café e uma taça dos melhores vinhos.

Claro que não poderiam faltar os poderosos bancos, já que Lugano é a terceira maior praça financeira da Suíça, depois de Zurique e Genebra. Tudo cercado pela clássica atmosfera local, de tranquilidade e segurança.

Durante o ano a Piazza della Riforma vira palco de uma infinidade de eventos gratuitos, como BluesToBop entre agosto e setembro, Estival Jazz e Swiss Harley Days em julho e o maior e mais famoso e animado reveillon da região (Capodanno in Piazza).

O período de natal é outra atração importante que começa dia primeiro de dezembro e vai até dia cinco de janeiro – Natale in Piazza é marcado por uma série de eventos, tanto para crianças quanto adultos. Nós brasileiros, órfãos de neve, podemos respirar a atmosfera de natal dos filmes americanos. O frio acaba virando um ingrediente a mais nesse cenário mágico.

rpm_lugano_piazzariforma01

O brilho das luzes da maior árvore de natal da cidade só se apagavam para deixar espaço ao festival de luzes, sons e cores da projeção temática na fachada do Palazzo Civico.

rpm_lugano_piazzariforma03

Seja um passeio de barco ou a pé pela beira do Lago de Lugano com um panorama digno de “cidade maravilhosa” ou pelo centro histórico – da luxuosa Via Nassa – cheio de lojas de jóias e acessórios, roupas, gastronomia e muitos outros, o passeio é roteiro obrigatório para quem passar aqui por Lugano.

Trens, ônibus ou um bondinho que desce da estação central (fechado para reforma) são as melhores formas de chegar até a praça. Mas um passeio a pé por todo o lago também é uma belíssima pedida. Buon viaggio!

Michel P. Zylberberg
www.rodandopelomundo.com

Curta e siga:

Michel Zylberberg

Criei o blog em 2006 para compartilhar as minhas andanças pelo mundo, já rodei por mais de 20 países e gosto de incentivar as pessoas a conhecerem o que esse mundão maravilhoso tem a oferecer! Conto com a colaboração de amigos e convidados para poder trazer um conteúdo relevante e interessante, sempre junto com a minha grande paixão - a fotografia.